Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
21 de julho de 2024 09:37

Australiana reforça interesse em produção de H2V em Pecém (CE)

Australiana reforça interesse em produção de H2V em Pecém (CE)

Em meio ao crescente interesse pela diversificação da matriz energética e das metas vinculadas à agenda do clima, a australiana Fortescue Future Industries vem apliando entendimentos para se fixr no Porto de Pecém (Ceará) para a produção de hidrogênio verde (H2V). A informação é do colunista Egídio Serpapara o jornal Diário do Nordeste. Segundo ele,  subsidiária da empresa para a América Latina esteve na última semana com o governador cearente Elmano de Freitas.

Os esforços do governo local são para transformar o Porto de Pecém em um hub de produção de H2V no Nordeste e no Brasil. Outras 24 empresas já teriam assinado memorandos de entendimento para investir no polo, entre elas a Casa dos Ventos. O projeto é fortemente incentivado pela Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec).

A possível chegada da Fortescue, que faz parte de um grandes gruops mineradores da Austrália, teria sido impulsionada pela identificação do potencial de produção de energia eólica no estado para também abastecer suas operações. A meta da Fortescue é alcançar 15 milhões de toneladas de hidrogênio e amônia verdes até 2030, ampliando esse volume para 50 milhões de toneladas na década seguinte. O projeto em Pecém ainda está na fase de avaliações de impacto ambiental, de acordo com informações oficiais da companhia, segundo apurou o Investindo por Aí.

Porto de Pecém (CE), projetado para tornar-se u hub de produção de H2V. Foto: Divulgação.
Print Friendly, PDF & Email

Gostou desse artigo? compartilhe!

Últimas

ademi-bahia
Sebrae Alagoas promove a competitividade e o desenvolvimento sustentável de micro e pequenas empresas | Foto: Reprodução
sede-santander-1
Bilionarios-Nordestinos
polo RN
hospital
Corrente de comércio exterior nordestina atingiu US$ 24,97 bilhões no primeiro semestre de 2024 | Foto: Reprodução
bnb_infra
Ciclo do ouro impulsiona mineração sustentável e geração de empregos | Foto: Reprodução
Maceió, capital de Alagoas - Foto: Legacy600

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#pf-content img.pf-large-image.pf-primary-img.flex-width.pf-size-full.mediumImage{ display:none !important; }