Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
21 de julho de 2024 10:24

Jaraguá revive: o retorno da movimentação do bairro histórico maceioense

Jaraguá revive: o retorno da movimentação do bairro histórico maceioense

Investimento em revitalização e atração de empresas potencializam o polo tecnológico da cidade. Foto: João Schwartz

Por Kamilla Abely

Quem passa pelas ruas do Jaraguá nota uma movimentação diferente na região. A aposta para a nova vocação econômica do bairro histórico e portuário maceioense inclui um polo de inovação, centro de convenções, além de um novo roteiro gastronômico, com opções de bares e programação cultural.

Aliando o novo ao histórico, o Jaraguá passa por uma requalificação que tem a tecnologia e a inovação como vetores principais. A obra mais recente para impulsionar a nova vocação do bairro é o Centro de Inovação do Polo Tecnológico (CIPT), foi inaugurado em outubro de 2021 pelo Governo do Estado de Alagoas a partir de R$ 18 milhões de investimentos. Atualmente, o centro possui 30 empresas e startups do estado instaladas, além de um espaço de coworking para profissionais autônomos, auditório e espaços para atuação de laboratórios e consultorias para impulsionar negócios considerados inovadores. 

A proposta é expandir o polo de inovação para atrair mais empreendimentos de base tecnológica e economia criativa. O secretário de Estado da Ciência, da Tecnologia e da Inovação, Silvio Bulhões, destaca que o centro trouxe uma nova movimentação econômica ao seu redor. 

“O Jaraguá era um bairro que já estava em decomposição socioeconômica, de certa forma. A partir desses novos investimentos, tanto do poder público quanto da iniciativa privada, a gente percebe um momento de pujança. No CIPT, por exemplo, temos a circulação de mil pessoas diariamente, o que também impulsiona melhorias no entorno, como o desenvolvimento de alguns negócios de serviços e alimentação”, destaca Bulhões. 

Foto: Reprodução.

A expectativa do governo estadual, através da política do desenvolvimento tecnológico, é criar outros espaços para a instalação de mais empresas. “O bairro vem passando por esse movimento de transformação e o objetivo é continuar impulsionando a chegada de outras organizações que poderão se instalar nos vários galpões desocupados na região. O Jaraguá é essa mistura do antigo com o novo, cultura com tecnologia, só que agora com um dinamismo econômico muito maior”, complementou o secretário. 

Incentivos

Para viabilizar essa ocupação do bairro do Jaraguá, existe a Lei Municipal n. 6.929, que contempla alguns benefícios fiscais para instalação de empreendimentos na região. Dentre os incentivos previstos na lei para pessoas físicas e jurídicas, instaladas ou que venham a se instalar no bairro, destacam-se a redução da base de cálculo do ISS em 50%, isenção das taxas de licença e localização e fiscalização e funcionamento, além da possibilidade de redução da alíquota de IPTU.

Uma das empresas instaladas no bairro é a Living, que trabalha com locação de móveis para eventos e festas. A empresa alagoana, que está há 22 anos instalada no bairro histórico e tem unidades nos demais estados do Nordeste, fica localizada em frente ao Centro de Convenções de Maceió, rodeada por outras empresas do segmento de eventos. 

“Sem dúvida, o bairro vem crescendo profissionalmente e ganhando vida. Para nós, que apostamos nele há mais de duas décadas, isso é uma prova de que estamos no lugar certo. A nossa localização dentro do bairro é um grande diferencial, já que o Jaraguá é uma área central da cidade e dispõe de inúmeros galpões, com pé direito alto, o que possibilita o armazenamento adequado de toda a mobília da Living”, afirma Ricardo Cintra, diretor comercial da empresa. 

Inspiração

Segundo a assessoria de comunicação da Prefeitura de Maceió, a capital está seguindo o modelo de outras cidades, como Rotterdam (Holanda), Barcelona (Espanha), Porto (Portugal) e Recife. Elas conseguiram promover a recuperação de sua zona histórica portuária de forma agregada ao desenvolvimento do setor de tecnologia. Além dessas cidades, várias outras alinharam a estratégia de ocupar edifícios históricos em desuso para promover o desenvolvimento regional.

Por isso, a Prefeitura de Maceió vem promovendo algumas obras de revitalização do Jaraguá e fomentando também essa transformação do bairro em um pólo de tecnologia. O objetivo é fortalecer a economia criativa digital e atrair empresas para se instalarem no bairro, tendo como um dos pilares dessa iniciativa a preservação do patrimônio histórico e cultural. A Prefeitura já publicou um decreto que viabiliza o teste de soluções inovadoras, criando no Jaraguá um ambiente de living labs (espaços inovadores que permitem às empresas de tecnologia implantarem soluções e produtos em um único ambiente).

Foto: Sedetur

Já o Centro Convenções de Maceió (denominado oficialmente como Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso), localizado ao lado do Centro de Inovação do Polo Tecnológico, foi reformado em 2014 com investimentos de R$ 16,5 milhões. Ele se tornou outro equipamento do estado com foco na captação e atração de eventos regionais, nacionais e internacionais. Além disso, o estacionamento do Jaraguá, localizado na orla do bairro, é palco de muitos eventos da prefeitura e estado, além de shows privados, tornando-se referência em zona de economia criativa na capital.

 

Preservação da memória

Foto: Jonathan Lins/Secom Maceió

Um dos aspectos que mais chamam a atenção de quem passa pelo Jaraguá é seu patrimônio arquitetônico. Os galpões de antigos armazéns se destacam, ao lado de prédios históricos como o da Associação Comercial, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e o do Museu da Imagem e do Som de Alagoas (Misa). Além disso, a iluminação com postes que lembram antigos lampiões a gás ajuda ajuda a rememorar a  história do nascimento de Maceió.

Uma das obras de revitalização recente na região foi o Beco da Rapariga, que ganhou novo visual com objetivo de atrair moradores e visitantes, sem modificar seu aspecto histórico. O espaço, que dá acesso ao Café do Porto e à tradicional lanchonete Caldilar, recebeu novo piso, um portão e luzes cênicas, pergolado com flores, um chafariz, pintura, bancos e jardim.

Foto: Reprodução.

Atualmente, o beco também é palco para apresentações de jazz. A prefeitura efetuou ainda serviços de manutenção de galerias em cerca de 20 ruas da região (como a Sá e Albuquerque, Avenida da Paz, Avenida Walter Ananias) e locais tradicionais para o comércio local, como o Mercado do Jaraguá e o Centro Pesqueiro. Limpeza de boca de lobo, de galeria, recuperação de rede de drenagem, recuperação de passeio e das vias também foram serviços executados. 

O mercado público do Jaraguá, que também fica localizado no bairro, também ganhou nova fachada pela artista Júlia Maria Nogueira do Ser’tão Encantado.

 

Sobre o bairro

O Jaraguá é um dos bairros mais importantes na história de Maceió, com seus patrimônios arquitetônicos notáveis. É considerada a enseada de canoas, onde ocorriam as trocas entre os indígenas e colonizadores franceses e portugueses. Com o passar dos anos, o lugar tornou- se um bairro boêmio. Na virada do século XIX para o século XX, o local recebeu cuidados especiais, a contar pela iluminação das ruas a partir dos lampiões.

A arquitetura de bairro portuário conta com conjuntos de armazéns, os chamados trapiches, e prédios onde funcionavam repartições públicas ainda no século XIX. A Associação Comercial é um desses casos, com estilo  neoclássico.

Print Friendly, PDF & Email

Gostou desse artigo? compartilhe!

Últimas

ademi-bahia
Sebrae Alagoas promove a competitividade e o desenvolvimento sustentável de micro e pequenas empresas | Foto: Reprodução
sede-santander-1
Bilionarios-Nordestinos
polo RN
hospital
Corrente de comércio exterior nordestina atingiu US$ 24,97 bilhões no primeiro semestre de 2024 | Foto: Reprodução
bnb_infra
Ciclo do ouro impulsiona mineração sustentável e geração de empregos | Foto: Reprodução
Maceió, capital de Alagoas - Foto: Legacy600

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#pf-content img.pf-large-image.pf-primary-img.flex-width.pf-size-full.mediumImage{ display:none !important; }