Danielle Santoro

A Companhia Nacional de Abastecimento divulgou projeção para a safra 2021/2022. Segundo o levantamento, o Ceará deve obter 653,6 mil toneladas de grãos na próxima colheita, volume 10,1% maior que as 593,5 mil toneladas da safra 2020/2021. A variação é a terceira maior do Nordeste, atrás somente do Piauí, que deve atingir crescimento de 10,7%, totalizando 5,5 milhões de toneladas, e da Paraíba, que deve obter alta de 15,8%, alcançando 93 mil toneladas. O Nordeste deve atingir 24,4 milhões de toneladas de grãos produzidos na safra 2021/2022, o que representa um aumento de 3,5%. (DN)