Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
19 de junho de 2024 17:39

Carnaval fora do eixo

Carnaval fora do eixo

Depois de eixo Salvador-Recife, Natal, Maceió e Fortaleza são os destinos mais vendidos no Brasil para o Carnaval 2023
ABIH/RN/Foto: Alex Régis

Por Gabriela Palmeira

Distante dos tradicionais circuitos carnavalescos Barra-Ondina em Salvador (BA), do Marco Zero recifense e do sobe e desce das ladeiras de Olinda (PE), outros estados nordestinos ganham notoriedade neste carnaval, tornando-se responsáveis por movimentar as redes hoteleiras e reoxigenar a economia após dois anos sem festejos oficiais por conta da pandemia de Covid-19.

No Rio Grande do Norte, o setor hoteleiro espera “uma ocupação média acima de 80% para este período de carnaval. Quase todos os destinos do estado possuem programação cultural e musical, o que faz com que as cidades atraiam mais turistas e visitantes”, destaca Abdon Gosson, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis-Rio Grande do Norte (ABIH-RN).

A plataforma de turismo 123Milhas informou que a Cidade do Sol, Natal (RN), é o terceiro lugar mais vendido para o carnaval brasileiro desse ano. Além da capital, os destinos potiguares mais procurados são Pipa, São Miguel do Gostoso, Baía Formosa, Caicó e Galinhos. “O turismo é hoje a indústria que mais gera empregos no estado, desenvolvendo uma cadeia de atividades com mais de 120 mil vagas diretas de trabalho, podendo chegar a 300 mil postos quando se consideram os indiretos e terceirizados”, indica Gosson.

Para o presidente da ABIH/RN, o carnaval pós Covid-19 será diferente em relação aos anteriores: “As pessoas estavam sem festas, sem poder viajar por conta da pandemia. Com o retorno dos grandes eventos como o carnaval, elas estão dispostas a gastar mais e, assim, movimentar o turismo e a economia do estado”, explica.

Os números positivos que envolvem a economia potiguar também alcançam Alagoas e Ceará. As capitais Maceió e Fortaleza estão em 5º e 8º lugares, respectivamente, na lista dos 10 destinos mais procurados da 123Milhas. “Uma média de R$100 milhões de movimentação econômica”, informa a Secretaria de Estado de Turismo de Alagoas (Setur-AL) sobre o retorno financeiro esperado para o carnaval deste ano. Além disso, “a taxa de ocupação hoteleira para o Carnaval aqui em Alagoas está em 90%”, informa a assessoria de comunicação da pasta.

Setur/AL. Foto: Jonathan Lins

Os destinos alagoanos mais procurados são Maceió, Maragogi, Marechal Deodoro (Praia do Francês), São Miguel dos Milagres (Rota Ecológica), Barra de São Miguel (Praia do Gunga) e Piranhas (Rio São Francisco).

Fora do eixo carnavalesco tradicional cearense, Aracati, cidade da popular praia de Canoa Quebrada, estima receber 400 mil pessoas por dia durante o carnaval, com expectativa de alcançar 95% de ocupação hoteleira. A cidade optou por valorizar e fomentar a cultura local, fazendo com que 60% das apresentações musicais fossem de artistas da terra. A atitude incentiva e injeta dinheiro na economia criativa do lugar.

Mas se o carnaval é considerado a maior festa pagã do Brasil, a prefeitura de Campina Grande, na Paraíba, investe no turismo religioso que a data pode proporcionar. O “Carnaval da Paz”, que pretende reunir seis eventos religiosos durante o período, já oferece impactos positivos na rede hoteleira e no turismo da cidade. A CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) de Campina Grande-PB espera que a vinda de turistas injete receita na economia local, gerando um aumento de 8% a 10% no faturamento do comércio varejista, hotéis, bares e restaurantes.

O ano de 2023 marca a retomada 100% presencial do “Carnaval da Paz”, que contará com os eventos Consciência Cristã, Crescer, E-Além, Acampamento Verbo da Vida, A Palavra Revelada e Nova Consciência.
Os festejos carnavalescos que passam distante dos circuitos tradicionais mostram-se fundamentais para fortalecer o turismo pós pandemia, e assinalam a retomada da economia nordestina nessa época.

 

 

Print Friendly, PDF & Email

Gostou desse artigo? compartilhe!

Últimas

braskem
Aldemir Freire, Diretor de Planejamento do BNB | Reprodução Linkedin
summit-mobilidade
investalagoas1
Cerimônia marcou a grande noite dos vencedores do XII Prêmio Sebrae Prefeitura Empreendedora (PSPE). Foto: Erivelton Viana.
Uma tela de computador exibindo um mapa do Brasil, um cacto representando o Nordeste e uma seta com indicadores econômicos em crescimento
Karine_Oliveira_Shark_Tank_Brasil_sony_da4a4753b7
Julio-VasconcelosJVC05434-Aprimorado-NR-scaled_p7420_cover_image_resized
Imagem gerada por inteligência artificial: (várias lojas populares, vendendo milho cozido, com bandeirinhas coloridas penduradas em cordões nas ruas, vários compradores e um grupo com uma pessoa tocando sanfona)
engie-696x428

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#pf-content img.pf-large-image.pf-primary-img.flex-width.pf-size-full.mediumImage{ display:none !important; }