Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
22 de fevereiro de 2024 21:41

Chapada Diamantina ganha roteiro do turismo religioso

Chapada Diamantina ganha roteiro do turismo religioso

Caminho de Santa Dulce dos Pobres é inaugurado na Chapada Diamantina

A homenagem à primeira santa brasileira está distribuída nos 7,5 quilômetros do roteiro de peregrinação católica, com santuário e 14 paradas para orações, atravessando uma área ecológica banhada pelo rio Paraguaçu. O Caminho de Santa Dulce dos Pobres foi inaugurado, no último sábado (27), no assentamento Nova Cana Brava, em Boa Vista do Tupim, na zona turística Chapada Diamantina. A cerimônia teve celebrações eucarísticas e a participação de autoridades, de representantes das Obras Sociais Irmã Dulce (Osid) e fiéis, além de apresentações musicais.

Caminho de Santa Dulce dos Pobres | Foto: Senac/Divulgação

A nova atração religiosa foi proposta pela Osid e implantada pela Prefeitura de Boa Vista do Tupim, com capacitação profissional e sinalização turística por conta da Secretaria de Turismo do Estado (Setur-BA). “Em Nova Cana Brava vivem pessoas carentes, e precisamos melhorar a qualidade de vida delas. Com esse objetivo, investimos no roteiro católico e ecológico, para atrair visitantes da Bahia e de outros estados e movimentar a economia local. Teremos uma romaria envolvendo 22 municípios da região”, declarou o prefeito Helder Lopes Campos.

“A nossa perspectiva é que cada vez mais o turismo religioso se expanda por todo estado, fortalecendo os destinos que abrigam manifestações da fé do povo baiano”, ressaltou a assessora técnica da Setur-BA, Ilnah Oliveira.

Fiéis da localidade visitaram o santuário no dia da inauguração, um complexo que reúne capela, loja de artesanato, refeitório e espelho d’água com uma imagem de Santa Dulce dos Pobres em tamanho natural. “Achei tudo muito bonito e bem construído. Tive a felicidade de conhecer Irmã Dulce, pessoalmente, que agora abençoa nossa terra a prosperar no turismo”, relatou a aposentada Domingas Francisca, de 84 anos.

“Toda iniciativa que propaga a fé enche o nosso coração de alegria e é de grande importância para a Igreja Católica. Já temos 87 capelas e santuários da devoção à Santa Dulce, por todo o Brasil, incluindo nos municípios baianos de Castro Alves, Vitória da Conquista e agora Boa Vista do Tupim, além do Complexo Santuário em Salvador”, pontuou o representante da Osid, Márcio Didier.

Print Friendly, PDF & Email

Gostou desse artigo? compartilhe!

Últimas

B3
Maceió
IPVA Ceará
Lucas Araripe | Reprodução
sebrae
refinaria
Elétrico da BYD em exibição na Bahia | Reprodução
Paulo Raposo assume a Diretoria de E-Commerce da Carajás Home Center
Pesquisador da Universidade Federal de Viçosa mostra combustíveis produzidos a partir da Macaúba | Foto: Acelen
Carnaval de Olinda | Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#pf-content img.pf-large-image.pf-primary-img.flex-width.pf-size-full.mediumImage{ display:none !important; }