Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
22 de fevereiro de 2024 14:35

Eneva inicia a operação comercial do Complexo Solar Futura 1, em Juazeiro

Eneva inicia a operação comercial do Complexo Solar Futura 1, em Juazeiro

A entrada em operação comercial do complexo eleva em 8% a capacidade total de geração solar centralizada na matriz elétrica brasileira

A Eneva  informou na manhã desta segunda-feira (29/5) que  recebeu autorização da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para iniciar a operação comercial de 100% do Complexo Solar Futura 1, localizado no município de Juazeiro, no estado da Bahia.

A entrada em operação comercial do complexo eleva em 8% a capacidade total de geração solar centralizada na matriz elétrica brasileira

O Complexo Solar Futura 1, composto pelas UFVs Futura 1 a 22, conta com 692,4 MWac de capacidade instalada e é considerado um dos maiores parques solares do Brasil. A entrada em operação comercial do complexo eleva em 8% a capacidade total de geração solar centralizada na matriz elétrica brasileira.

“A companhia já havia concluído a energização de todas UFVs em 11 de maio, sendo remunerada pela energia gerada ao longo deste período. A entrega do projeto representa um marco para a companhia, que agora conta com uma base de ativos renováveis e com uma maior presença no mercado livre de energia”, informou a Eneva.

A Eneva já investiu R$3,2 bilhões na construção do Futura I. Ao longo das obras, o projeto empregou 3 mil trabalhadores, contando com 80% de mão de obra contratada na região. A entrada em operação comercial do Complexo eleva em 8% a capacidade total de geração solar centralizada na matriz elétrica brasileira. O complexo ainda tem possibilidade de expansão com a construção dos parques Futura II e Futura III que, juntos, poderão somar 2,3 GW de capacidade instalada ao projeto.

“O Complexo Solar Futura I é um marco na história da Eneva que aprofunda a diversificação do nosso portfólio e possibilita a entrada em um novo mercado com novos produtos”,  diz Lino Cançado, presidente da Eneva. “Nossa companhia tem a missão de liderar a transição energética de forma justa e inclusiva no Brasil, sempre com disciplina em alocação de capital e o Complexo Solar de Futura I é mais um exemplo disso.”

Números do Futura I

– 22 Usinas Fotovoltaicas
– Capacidade instalada total 671 MW
– 1.424.016 painéis solares
– 19.778 Trackers
– Mais de 5.000 km de cabos
– 1.649 hectares ocupados
– 1.192 hectares de Reserva Legal
– 21,534 km de cercamento

Subestação (34,5 / 500kV)
– 2 Transformadores de 400 MVA, 347.200 kg cada;

Linha de Transmissão
– 500 kV | 2 circuitos simples | 15,6 km.

Print Friendly, PDF & Email

Gostou desse artigo? compartilhe!

Últimas

B3
Maceió
IPVA Ceará
Lucas Araripe | Reprodução
sebrae
refinaria
Elétrico da BYD em exibição na Bahia | Reprodução
Paulo Raposo assume a Diretoria de E-Commerce da Carajás Home Center
Pesquisador da Universidade Federal de Viçosa mostra combustíveis produzidos a partir da Macaúba | Foto: Acelen
Carnaval de Olinda | Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#pf-content img.pf-large-image.pf-primary-img.flex-width.pf-size-full.mediumImage{ display:none !important; }