Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
1 de março de 2024 17:36

Ministério de Minas e Energia aprova investimentos em transmissão de energia para o Nordeste

Ministério de Minas e Energia aprova investimentos em transmissão de energia para o Nordeste

Novas linhas de transmissão e distribuição impulsionam desenvolvimento regional

O Ministério de Minas e Energia (MME) aprovou, em 9 de fevereiro, o Plano de Outorgas de Transmissão de Energia Elétrica (POTEE), destinando R$300 milhões para novas linhas de transmissão e distribuição nas regiões do Leste do Maranhão, Centro-Norte do Piauí e Região Metropolitana de João Pessoa. Esses investimentos têm o objetivo de solucionar restrições para a conexão de novos projetos de geração, ampliando a capacidade de escoamento de energia elétrica nessas áreas do Sistema Interligado Nacional (SIN).

O ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, destacou que as novas linhas representam investimentos para garantir segurança e qualidade no fornecimento de energia elétrica, além de promover oportunidades de emprego e renda para a população.

“Essas novas linhas significam mais investimentos para garantir mais segurança e qualidade no fornecimento de energia elétrica e mais geração de oportunidades e, principalmente, emprego e renda para nossa população”, disse.

O POTEE se baseia em estudos de planejamento da transmissão elaborados pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE), visando resolver problemas operacionais no sistema de transmissão dos estados do Maranhão, Piauí e Paraíba, para permitir a integração de novas usinas geradoras.

Thiago Barral, secretário Nacional de Transição Energética e Planejamento do MME, ressalta que o Nordeste tem recebido grandes investimentos em geração renovável, especialmente em usinas eólicas e fotovoltaicas, o que demanda um planejamento cuidadoso para garantir o atendimento aos critérios de confiabilidade.

As novas linhas de transmissão e equipamentos para os estados do Maranhão e Piauí estarão disponíveis para licitação em 2025, por meio de um leilão de transmissão conduzido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). Outras obras indicadas no plano serão outorgadas pela agência por meio de resolução autorizativa.

Além disso, o POTTE 2023 – 4ª Emissão confirma a necessidade do segundo circuito da LT 230 kV Ribeiro Gonçalves – Balsas, essencial para a manutenção da confiabilidade do suprimento na região de Balsas (MA), sendo ofertada no Leilão de Transmissão nº 1/2024.

Print Friendly, PDF & Email

Gostou desse artigo? compartilhe!

Últimas

Renata dos Santos, Secretária da Fazenda de Alagoas | Reprodução
Obras da Transnordestina | Foto: Agência Senado
agencia do bnb no bairro passaré - fortaleza - ceara
conectarecife
OIP
The landscape of Caatinga in Brazil
2021-04-23-general-salgado-5-1
Reprodução
Reprodução
Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#pf-content img.pf-large-image.pf-primary-img.flex-width.pf-size-full.mediumImage{ display:none !important; }