Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
1 de março de 2024 21:40

‘Netflix da energia’ pode gerar desconto de até 15% na conta de luz no Ceará

‘Netflix da energia’ pode gerar desconto de até 15% na conta de luz no Ceará

Serviço consiste em um aluguel de placas fotovoltaicas; empresa prestadora quer construir 48 usinas para suprir demanda crescente

Por Victor Ximenes
Para Diário do Nordeste

O serviço de energia elétrica por assinatura começa a se expandir no Ceará. A modalidade permite que os clientes aluguem placas fotovoltaicas de usinas solares para conseguir descontos na conta de luz. “É uma espécie de ‘Netflix do setor de energia’, compara Paulo Siqueira, sócio da 9energia, única empresa cearense a prestar o serviço. Segundo ele, a opção é viável para quem utiliza imóvel alugado, por exemplo, e não tem condições de instalar equipamentos próprios para gerar a energia.

O abatimento médio na conta é de 15%, bem inferior, portanto, ao que se pode obter com a instalação de painéis fotovoltaicos no próprio imóvel. Anualmente, o recuo alcançado com a assinatura pode ser equivalente a duas faturas de energia. O custo varia conforme a demanda de cada cliente. O serviço, inicialmente, está disponível apenas para empresas e condomínios, no entanto, Bernardo Veloso, sócio e CEO da empresa, revela que, no primeiro semestre de 2023, o leque será ampliado também para consumidores residenciais de baixa tensão

O modelo se assemelha, por exemplo, aos serviços de TV por assinatura ou internet, em que a própria empresa contratada fica responsável pela instalação e manutenção dos equipamentos, neste caso, a usina solar. Fundada em 2020, a companhia possui uma usina solar em operação com 1,2MWp de potência, em Amontada; e uma segunda em fase de montagem, em Paracuru. A carteira de clientes atinge 80 empresas.

INVESTIMENTO DE R$ 250 MILHÕES EM USINAS

Nos planos da empresa, está construir outras 48 usinas, com a mesma capacidade de geração, totalizando 50 unidades no Ceará em parques cujas áreas variam de dois a cinco hectares.

Para tanto, os executivos preveem R$ 250 milhões em investimentos, o que possibilitaria aumentar a base para 5 mil clientes até 2025.

Print Friendly, PDF & Email

Gostou desse artigo? compartilhe!

Últimas

Renata dos Santos, Secretária da Fazenda de Alagoas | Reprodução
Obras da Transnordestina | Foto: Agência Senado
agencia do bnb no bairro passaré - fortaleza - ceara
conectarecife
OIP
The landscape of Caatinga in Brazil
2021-04-23-general-salgado-5-1
Reprodução
Reprodução
Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#pf-content img.pf-large-image.pf-primary-img.flex-width.pf-size-full.mediumImage{ display:none !important; }