Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
19 de junho de 2024 16:55

Exclusivo: Nordeste supera França na produção de milho em 2023; veja o gráfico

Exclusivo: Nordeste supera França na produção de milho em 2023; veja o gráfico

Agricultura nordestina irá colher quase 1 milhão de toneladas de milho a mais que a França, que é líder na produção do grão na União Européia

O Brasil reforça sua posição de destaque como um dos maiores produtores mundiais de milho, com a região Nordeste desempenhando um papel crucial nesse cenário. Segundo dados divulgados pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a região Nordeste tem uma produção prevista de 11.996 milhões de toneladas para a safra 2022/2023. A produção nordestina ultrapassará a safra da França, que é líder na União Europeia, prevista para atingir 11 milhões de toneladas.

Foto: Agência Brasil

De acordo com estudos divulgados pela Embrapa, uma das razões para o sucesso na produção de milho na Região Nordeste é a técnica inovadora do consórcio de culturas. Essa abordagem consiste em plantar milho e outras culturas na mesma área, em diferentes períodos do ano. Além de aproveitar eficientemente o solo, essa técnica contribui para a melhoria da fertilidade e produtividade do solo.

Bahia, Piauí e Maranhão lideram o crescimento

Entre os estados nordestinos que mais contribuíram para o aumento significativo na produção de milho, destacam-se a Bahia, o Piauí e o Maranhão. A Bahia, em particular, registrou um salto notável em sua produção, passando de 3,37 milhões de toneladas na safra 2021/2022 para 4,10 milhões de toneladas na previsão de safra para 2022/2023. Essa conquista coloca o estado baiano em uma posição de destaque na produção agrícola do país.

Estados como Piauí e Maranhão também contribuíram significativamente para o aumento, com 2,83 milhões e 3,14 milhões de toneladas, respectivamente. Esses números evidenciam a diversificação de culturas e a adoção de práticas agrícolas modernas que impulsionam o crescimento sustentável da região.

Confira a participação de cada estado no gráfico interativo:

O Nordeste do Brasil continua a se destacar como uma potência agrícola, estabelecendo recordes na produção de milho e impulsionando a economia do país. Com a implementação de técnicas sustentáveis e o apoio da pesquisa científica, a região solidifica seu papel como um importante polo na indústria agrícola global.
Print Friendly, PDF & Email

Gostou desse artigo? compartilhe!

Últimas

braskem
Aldemir Freire, Diretor de Planejamento do BNB | Reprodução Linkedin
summit-mobilidade
investalagoas1
Cerimônia marcou a grande noite dos vencedores do XII Prêmio Sebrae Prefeitura Empreendedora (PSPE). Foto: Erivelton Viana.
Uma tela de computador exibindo um mapa do Brasil, um cacto representando o Nordeste e uma seta com indicadores econômicos em crescimento
Karine_Oliveira_Shark_Tank_Brasil_sony_da4a4753b7
Julio-VasconcelosJVC05434-Aprimorado-NR-scaled_p7420_cover_image_resized
Imagem gerada por inteligência artificial: (várias lojas populares, vendendo milho cozido, com bandeirinhas coloridas penduradas em cordões nas ruas, vários compradores e um grupo com uma pessoa tocando sanfona)
engie-696x428

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#pf-content img.pf-large-image.pf-primary-img.flex-width.pf-size-full.mediumImage{ display:none !important; }