Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
19 de junho de 2024 23:08

Operações de crédito do Nordeste crescem mais que a média nacional

Operações de crédito do Nordeste crescem mais que a média nacional

Aumento foi de 9,8% na comparação com o ano passado, com movimentação na casa dos R$800 bilhões. Expansão foi puxada por carteiras de pessoas jurídicas.
(Foto: Romain Dancre/Unsplash)
(Foto: Romain Dancre/Unsplash)

Segundo o último Informe Macroeconômico, lançado nesta segunda-feira (20) pelo Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Banco do Nordeste (Etene/BNB), as operações de crédito do Sistema Financeiro Nordestino atingiram um saldo de R$ 806,0 bilhões em março de 2024. 

O crescimento significa 9,8% a mais se comparado com o mesmo mês em 2023, enquanto no Brasil, o avanço foi de 8,3%. Para o Etene, o aumento do crédito na Região Nordeste durante os primeiros três meses deste ano, aconteceu por causa da expansão das carteiras de crédito de pessoas jurídicas, que registrou aumento de 11,3%. Além disso, as carteiras de pessoas físicas subiram 9,1%.

Piauí, Espírito Santo e Maranhão lideram crescimento

O Informe também revela os estados da área de atuação do Banco Nordeste com os maiores saldos das operações de crédito. O topo da lista fica com Piauí, que apresentou crescimento de 13%, Espírito Santo, com 12,3% e Maranhão, com 11,6% no mês de março de 2024, se comparado com o mesmo mês de 2023.

Em números reais, o saldo de crédito no Piauí é de R$ 48,2 bilhões. Os estados do Nordeste com valores mais altos são a Bahia (R$ 220,2 bilhões), Pernambuco (R$ 130,6 bilhões) e Ceará (R$ 126,8 bilhões).

Ranking nacional nas operações de crédito

Embora o Nordeste tenha tido um crescimento significativo, a Região Norte registrou o maior aumento no saldo de crédito do país em 2024, no acumulado dos últimos doze meses, alcançando a casa dos 15,1%. Na sequência, a Região Centro-Oeste teve um avanço de 12,7% nas operações de crédito, enquanto o Nordeste ocupou o terceiro lugar.

As projeções do Banco Nordeste indicam que a região deverá crescer 10,2% em todo o ano de 2024, motivada pela queda no desemprego, melhora na renda da população local e também pela redução da inflação — que já está em curso.

Print Friendly, PDF & Email

Gostou desse artigo? compartilhe!

Últimas

braskem
Aldemir Freire, Diretor de Planejamento do BNB | Reprodução Linkedin
summit-mobilidade
investalagoas1
Cerimônia marcou a grande noite dos vencedores do XII Prêmio Sebrae Prefeitura Empreendedora (PSPE). Foto: Erivelton Viana.
Uma tela de computador exibindo um mapa do Brasil, um cacto representando o Nordeste e uma seta com indicadores econômicos em crescimento
Karine_Oliveira_Shark_Tank_Brasil_sony_da4a4753b7
Julio-VasconcelosJVC05434-Aprimorado-NR-scaled_p7420_cover_image_resized
Imagem gerada por inteligência artificial: (várias lojas populares, vendendo milho cozido, com bandeirinhas coloridas penduradas em cordões nas ruas, vários compradores e um grupo com uma pessoa tocando sanfona)
engie-696x428

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#pf-content img.pf-large-image.pf-primary-img.flex-width.pf-size-full.mediumImage{ display:none !important; }