Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
29 de maio de 2024 03:10

Raquel Lyra lança estratégia de Pernambuco para o Hidrogênio Verde durante COP 28 em Dubai

Raquel Lyra lança estratégia de Pernambuco para o Hidrogênio Verde durante COP 28 em Dubai

Investimento de R$ 20 milhões no Porto de Suape reforça compromisso ambiental e busca posicionar Pernambuco como referência em energia limpa

A governadora Raquel Lyra anunciou na Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP 28), em Dubai, a implantação da Estratégia Estadual de Hidrogênio Verde em Pernambuco. O pacote abrange um investimento significativo de R$ 20 milhões na planta experimental de produção de Hidrogênio Verde (H2V) localizada no Porto de Suape.

Raquel Lyra durante Cop 28 | Reprodução

Esse montante representa um passo crucial no compromisso do estado com a preservação ambiental e a transição para fontes de energia mais limpas. A iniciativa complementa o Projeto de Lei em andamento na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), que busca estabelecer as bases da Política Estadual sobre o Hidrogênio Verde.

Raquel Lyra destacou a urgência das ações diante das mudanças climáticas globais, afirmando: “O Hidrogênio Verde, considerado o combustível do futuro, tornou-se o foco dos debates. Pernambuco não pode ficar para trás, diante do potencial do Estado, que conta com um importante ativo que é o Porto de Suape.”

O investimento não é apenas financeiro, mas também estruturador para a sustentabilidade, conforme ressaltado pela governadora: “A proposta de mudanças encaminhada para a Alepe também é para que Pernambuco siga olhando para o futuro através da produção de energia limpa.”

A secretária de Meio Ambiente, Sustentabilidade e Fernando de Noronha, Ana Luiza Ferreira, e o secretário de Desenvolvimento Econômico do estado, Guilherme Cavalcanti, lideraram a elaboração do documento estratégico. Este delineia os eixos e diretrizes para a implementação do Hidrogênio Verde no estado, alinhados aos objetivos da Política Estadual.

A Estratégia de Hidrogênio Verde de Pernambuco tem como valores-guia o desenvolvimento sustentável e a justiça social, climática e econômica. Seus eixos de ação incluem nova industrialização e competitividade, promoção de justiça social, ambiental e econômica, qualificação profissional e empreendedorismo, compromisso com ciência, tecnologia e inovação, além da expansão da infraestrutura.

Participando da COP 28 em uma mesa redonda com representantes de governos estaduais de diversos países, Pernambuco se destacou como o único estado do Nordeste presente. O encontro, que discutiu a liderança subnacional na ação climática global, contou com a presença de líderes de outros estados e regiões, como Califórnia (EUA), Andaluzia (Espanha) e Querétaro (México), além de representantes de Minas Gerais e São Paulo.

A governadora Raquel Lyra enfatizou a importância dessa participação: “Aqui nós representamos o Brasil e, principalmente o Nordeste, afirmando o nosso compromisso com a agenda do meio ambiente, mudanças climáticas e futuro sustentável. No fim das contas, as ações precisam acontecer nos próprios territórios.”

Na mesa redonda, foi discutida a questão da neutralidade do carbono até 2050, ressaltando a importância do envolvimento dos entes subnacionais nesse processo. A secretária Ana Luiza Ferreira afirmou: “Isso não vai acontecer enquanto as partes na COP forem somente governos federais.”

Print Friendly, PDF & Email

Gostou desse artigo? compartilhe!

Últimas

b3-4
Imagem do WhatsApp de 2024-05-24 à(s) 10.44
Galvanifertilizantespng
pina - recife
tijolos-ecologicos-
(Foto: Romain Dancre/Unsplash)
img13-1
Praia de Carneiros | Reprodução
WhatsApp Image 2024-05-17 at 14.23

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#pf-content img.pf-large-image.pf-primary-img.flex-width.pf-size-full.mediumImage{ display:none !important; }