Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
Jornalismo econômico para a inovação no Nordeste -
15 de junho de 2024 01:44

Empréstimos do Banco do Nordeste batem recorde no primeiro semestre de 2023

Empréstimos do Banco do Nordeste batem recorde no primeiro semestre de 2023

Foram 21 bilhões de reais contratados em empréstimos do Banco do Nordeste apenas no primeiro semestre de 2023

Registrando um crescimento de 34,8% no comparativo com 2022, o volume de empréstimos do Banco do Nordeste (BNB) somaram R$ 21,3 bilhões, com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE). O volume é o maior já registrado na história do banco para o período do ano. O segundo melhor resultado foi registrado em 2022, quando R$ 15,8 bilhões foram contratados.

Volume de empréstimos do Banco do Nordeste bate recorde histórico | Foto: Divulgação
Volume de empréstimos do Banco do Nordeste bate recorde histórico | Foto: Divulgação

Em Pernambuco, as contratações de empréstimos do Banco do Nordeste com recursos do FNE durante o primeiro semestre de 2023 também somaram o maior volume da história, totalizando R$ 3,1 bilhões financiados. O montante representa R$ 1,15 bilhão a mais que no mesmo período do ano passado, uma alta de 58,6%.

Principais setores beneficiados com empréstimos do BNB

O FNE é a principal fonte de recursos do Banco e foi responsável por alavancar os projetos de infraestrutura, como os de energia e logística em sua área de atuação. Para esse setor, o BNB destinou R$ 6,5 bilhões nos seis primeiros meses de 2023. No período foi registrado um aumento expressivo no setor industrial, que contratou R$ 2,4 bilhões este ano, 73% a mais que no ano passado.

Entre os demais setores, as contratações foram de R$ 5,1 bilhões em agricultura, R$ 3,3 bilhões em pecuária, R$ 1,9 bilhão em comércio, R$ 1,7 bilhão em serviços e R$ 178 milhões em agroindústria. Para projetos de energia renovável, R$ 10 bilhões foram disponibilizados ao longo de 2023. O montante deverá impulsionar o desenvolvimento de fontes limpas e sustentáveis de energia na região, contemplando desde usinas de energia solar e eólica até pessoas físicas interessadas em instalar placas solares em suas residências.

“Esses números demonstram a atenção que o Banco do Nordeste confere a todos os setores pensando de forma estratégica na recuperação consistente da economia. Apoiamos a infraestrutura para atrair novos negócios, a indústria para ofertar insumos para o mercado e no agronegócio para produção de alimentos no meio rural”, afirmou o presidente do BNB, Paulo Câmara.

Segundo o executivo, os resultados nos seis primeiros meses superaram as próprias metas internas em R$ 1 bilhão. “Sabemos que esse momento é de reconstrução da economia. Houve um esforço coletivo para melhoria de processos e avaliação de propostas. Com isso, tenho a certeza de que estamos impactando o desenvolvimento de nossa área de atuação e a vida das pessoas”, destacou.

Em Pernambuco, o setor que apresentou maior crescimento nas contratações no comparativo com 2022 foi a indústria. A alta de foi de quase 130%, passando de R$ 267 milhões para R$ 612 milhões. A agroindústria, bastante forte no estado, também apresentou alta (84%) fechando o semestre com R$ 55 milhões contratados.

Segundo o superintendente estadual do BNB em exercício no estado, Marcílio Morais, o crescimento no volume de empréstimos concedidos pelo banco foi impulsionado pela atuação das equipes do BNB em contato com os setores produtivos. “Houve um grande envolvimento de todos em conversar e conhecer as necessidades de cada negócio. Conseguimos esse resultado muito satisfatório em aplicar 10% a mais do que a nossa própria meta. Isso demonstra toda a dedicação do BNB em apoiar a economia pernambucana”, avaliou.

*Com informações do Diário de Pernambuco

Print Friendly, PDF & Email

Gostou desse artigo? compartilhe!

Últimas

Cerimônia marcou a grande noite dos vencedores do XII Prêmio Sebrae Prefeitura Empreendedora (PSPE). Foto: Erivelton Viana.
Uma tela de computador exibindo um mapa do Brasil, um cacto representando o Nordeste e uma seta com indicadores econômicos em crescimento
Karine_Oliveira_Shark_Tank_Brasil_sony_da4a4753b7
Julio-VasconcelosJVC05434-Aprimorado-NR-scaled_p7420_cover_image_resized
Imagem gerada por inteligência artificial: (várias lojas populares, vendendo milho cozido, com bandeirinhas coloridas penduradas em cordões nas ruas, vários compradores e um grupo com uma pessoa tocando sanfona)
engie-696x428
citer-piaui-hidrogenio-verde-jpg
Captura de tela de 2024-06-06 07-29-18
produtos-importados-2
industriaRN

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#pf-content img.pf-large-image.pf-primary-img.flex-width.pf-size-full.mediumImage{ display:none !important; }